Longe vai o tempo em que brincar era somente uma forma de as crianças passarem o tempo. Hoje em dia, as próprias escolas e colégios começam a investir num sistema de aprendizagem baseado em brincadeira.

O senso de que a brincar também se aprende é cada vez mais uma realidade. Durante as brincadeiras é simples ajudar uma criança a desenvolver a imaginação, criatividade e capacidade de improviso.

A par disso, é também uma forma incomum de ensinar matemática, filosofia e comunicação.

A brincar é possível ensinar de tudo um pouco às crianças, é uma forma de aprendizagem lúdica. Na verdade, as crianças têm muito mais facilidade em aprender se não considerarem que estão a ser obrigadas a tal.

Mas, será que a maior parte das famílias e colégios percebem verdadeiramente a importância das brincadeiras?

Brincar, brincar, brincar: O nosso artigo na Estrelas e Ouriços

Para quem ainda não sabe, temos uma parceria com o blog Estrelas e Ouriços onde publicamos com frequência alguns artigos nossos!

Um desses artigos foi “Brincar, brincar, brincar”. No mesmo, abordamos diversas temáticas, nomeadamente:

  • A importância da brincadeira no desenvolvimento das crianças
  • O mundo do faz de conta
  • Devemos ou não incentivar as crianças a brincarem?

Se quer saber um pouco mais sobre esta temática, leia o artigo e esclareça todas as questões.

Se ficar com alguma dúvida, fale connosco. Temos todo o gosto em ajudar.

Receba os nossos artigos

Dados Pessoais:

Seleccione o(s) seu(s) interesse(s):

Os seus dados não serão transmitidos a terceiros